Como montar uma Franquia?

Tempo de leitura: 5 min

em 25 de julho de 2022

Está pensando em expandir o seu negócio e deseja entender melhor como montar uma franquia? Este post é para você então.

Aqui iremos falar tudo o que precisa entender sobre o assunto e como você pode, em um passo a passo bem prático, tornar a sua empresa uma franquia.

Vamos lá?

Quando a sua empresa pode montar uma franquia?

Muitos empreendedores se sentem inseguros e não sabem exatamente qual é o melhor momento para a empresa se tornar uma franquia, entretanto, você pode ficar tranquilo, pois, esse momento não existe.

Entretanto, a primeira coisa que precisa ser feita é a formatação da franquia, ou seja, realizar ajustes que a torne viável para se tornar um modelo de negócio.

Neste caso, é essencial padronizar todo o processo interno para ele poder ser replicado em outras lojas.

Fique tranquilo, abaixo falaremos em mais detalhes sobre o assunto.

Como montar uma franquia?

1 – O que o seu negócio tem de diferente?

Para você conseguir montar uma franquia, inicialmente é preciso analisar a sua empresa atual.

O que deve ser analisado aqui? Uma coisa que precisa ser analisada é se o seu negócio tem um diferencial que vai fazer ele se tornar um sucesso.

Se a sua empresa não tem nada de diferente, dificilmente ele vai se tornar competitivo no mercado e se tornar um sucesso de franquia.  

Caso a sua empresa tenha um diferencial, você vai precisar avaliar agora, se ela tem a estrutura para se tornar uma franquia, já que nem todo negócio tem essa condição.

2 – Elabore o seu plano de negócio:

Inovar vetor criado por rawpixel.com – br.freepik.com

A primeira coisa que você precisa para montar uma franquia é desenvolver um plano de negócio.

Inclusive, o ideal é que você já tenha feito, mas, se ainda não o fez, essa é a sua hora e fazê-lo vai te ajudar a dar o primeiro passo ao montar uma franquia.

O foco do plano de negócio é avaliar as características do mercado, onde precisa ser apontado a melhor maneira para estruturar a empresa e que ela funcione em diversos locais.

Além disso, no seu plano de negócio é importante colocar o investimento necessário para iniciar uma empresa como a sua e o prazo de retorno sobre o investimento.

Atenção às principais dúvidas dos franqueados e não esqueça de deixá-las bem claras no seu plano de negócio.

Os empreendedores novos sempre desejam saber questões como:

  • Quanto têm que investir;
  • O prazo de retorno;
  • Quanto conseguirá tirar por mês.

Além disso, você deve pensar em colocar no seu plano de negócio, informações como:

  • Royalties;
  • Taxa de franquia;
  • Custos com suporte ao franqueado e consultoria.

Não esqueça que mesmo com os custos, você precisa conseguir obter certo lucro.

3 – Faça o manual da franquia:

Agora que você já sabe como a sua empresa age em diversos contextos e o quanto precisa ser investido, é necessário criar um manual da franquia.

– Transmita o seu conhecimento:

Normalmente, os manuais apresentam informações sobre os pontos de venda interessantes para abrir, qual é a disposição do produto e claro, como os empreendedores devem agir para garantir a representatividade da marca.

Essa é uma situação que você precisa ter atenção, pois, será necessário criar cláusulas onde tirem todas as dúvidas do franqueado.

Não esqueça que quem vai buscar por uma franquia não deseja criar um negócio do zero. Na verdade, ele busca a sua experiência ao longo do seu negócio e pagará por ela para colocar em prática.

Portanto, o seu manual de franquia precisa conseguir transmitir esse conhecimento.

Além disso, você pode utilizar cursos que podem ajudar a absorver melhor as informações do negócio.

– Desenho o modelo de negócio:

Além de fazer um modelo de negócio ao franqueado, você precisa definir o seu modelo como franqueador também.

Decida qual será os royalties em cada percentual de faturamento, além das taxas de instalação e marketing.

Nenhum desses dados tem uma lógica, pois, tudo depende da sua estrutura.

Esse é um momento importante para decidir o que você vai oferecer ao franqueado.

– A loja matriz:

Por fim, o que deve constar no manual é a estrutura da loja matriz, que será a loja que vai ser vista como exemplo de aplicação de padrões.

O ideal é que os interessados pela franquia visitem sempre essa loja piloto para entender mais sobre a gestão da marca.

4 – Registre a marca:

É essencial que você registre a sua marca para ela ser protegida e você evite os eventuais problemas com o uso indevido ou mesmo questões de licenciamento.

Você só terá direito sobre a marca após você registrá-la no INPI – Instituto Nacional da Propriedade Industrial.

Portanto, não deixe de fazer isso.

5 – Hora de focar na estrutura jurídica da franquia:

Aqui você vai precisar ter MUITA ATENÇÃO. Será nessa etapa que será criado o COF – Circular de Oferta de Franquia, um instrumento jurídico.

Trata-se de um documento que você vai apresentar aos franqueado, com informações detalhadas, como:

  • Histórico resumido da empresa;
  • Forma societária da empresa;
  • Tempo de contrato;
  • Direitos sobre a marca;
  • Quais são as taxas compradas;
  • Contato de antigos franqueados etc.

6 – Tenha um plano de expansão:

Você precisa ter um plano de expansão para ir colocando unidades da sua franquia em cidades específicas e que ela não cresça de forma desorganizada.

O ideal é que as unidades estejam próximas da sua matriz, pois, assim, fica mais simples analisar os números em um ambiente onde as pessoas já te conhecem.

Além disso, foque em participação em feiras, eventos, assessoria de empresa e claro, no marketing digital, para transmitir profissionalismo do negócio.

7 – Foque em selecionar os franqueados certos:

Uma boa seleção dos franqueados, será fundamental para o sucesso da sua franquia.

O ideal é que foque somente em pessoas que tenham o perfil necessário para tornar a sua empresa um sucesso.

Além disso, veja se os candidatos têm condição financeira para a abertura da empresa e se ele tem capital de giro e tempo para se dedicar ao negócio.

Assim, será muito mais simples ter melhores resultados.

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade